20 de maio de 2024

VICKYS SPORTS GASTROPUB

VICKYS SPORTS GASTROPUB FUTEBOL AO VIVO, GASTRONOMIA

COPA DO MUNDO: Japão massacra Espanha, Austrália elimina Canadá e Zâmbia faz gol 1000

4 min read

COPA DO MUNDO: Japão massacra Espanha, Austrália elimina Canadá e Zâmbia faz gol 1000

No duelo entre duas das favoritas do Mundial, o Japão não tomou conhecimento da Espanha

Categorias: Futebol Feminino

Por: Agência Estado, 31/07/2023

Destaques

Campinas, SP, 31 – A madrugada desta segunda-feira, dia 31, foi de definição para os Grupos B e C da Copa do Mundo feminina de 2023. A Austrália goleou o Canadá e se classificou em primeiro lugar do Grupo B, enquanto Nigéria e Irlanda empataram em um jogo sem gols. Melhor para o time africano, que passou em segundo.

No duelo entre duas das favoritas do Mundial, o Japão não tomou conhecimento da Espanha e goleou as europeias. A Zâmbia venceu da Costa Rica com direito ao milésimo gol dos Mundiais e ao gol mais rápido da atual edição do torneio, mas a vitória pouco importou pois as japonesas e as espanholas já estavam classificadas pelo Grupo C.

JAPÃO GOLEIA ESPANHA

A partida entre Japão e Espanha foi vendida como um confronto entre duas das principais favoritas ao título. Se no papel isso era verdade, em campo algo completamente diferente foi visto. No jogo válido pelo Grupo C, as japonesas dominaram as espanholas e aplicaram um sonoro 4 a 0.

Abdicando da posse de bola, a equipe nipônica fechou sua defesa e apostou nos contra-ataques. A Espanha até rondou a área japonesa, mas levou pouco perigo. Quando recuperava a bola, o Japão era mortal. Foram três chutes e três gols no primeiro tempo. Na segunda etapa, o mesmo roteiro se repetiu. As asiáticas, no entanto, só aumentaram a vantagem ao final do jogo. Com o 4 a 0, o Japão garante o melhor ataque e a melhor defesa da fase de grupo.

Classificada em primeiro lugar, a seleção japonesa pegará a Noruega nas oitavas de final. A Espanha, apesar do jogo ruim, também se classificou para a próxima fase e jogará contra a Suíça.

O MILÉSIMO E O MAIS RÁPIDO

A partida entre Zâmbia e Costa Rica podia até não valer nada em termos de classificação, afinal ambas as equipes do Grupo C já entraram em campo eliminadas do torneio. A vitória por 3 a 1 da seleção zambiana, no entanto, foi histórica por uma série de fatores.

Com um gol aos 2 minutos e 11 segundos, a zagueira Lushomo Mweemba marcou não só o tento mais rápido da atual edição do torneio, como também o primeiro gol da história da seleção zambiana. Em seguida, a atacante Barbra Banda sofreu um pênalti e acertou a cobrança, fazendo o milésimo gol da história da Copa do Mundo feminina.

O restante do jogo continuou com domínio da Zâmbia, que até viu a Costa Rica fazer um gol de honra, mas marcou o terceiro tento e se despediu do Mundial com ao menos uma vitória.

AUSTRÁLIA NÃO DÁ CHANCES AO CANADÁ

A Austrália não decepcionou sua torcida e fez valer todo o apoio da cidade de Melbourne. Precisando ganhar para se classificar para as oitavas de final, as Matildas aplicaram uma goleada de 4 a 0 no Canadá e, não só passaram para a próxima fase, como também eliminaram as norte-americanas do torneio.

Em partida válida pelo Grupo B, as australianas dominaram o jogo desde o primeiro momento. Na etapa inicial, a meio-campista Raso transformou a vantagem futebolística em gols, anotando dois tentos. No segundo tempo, Fowler e Catley ampliaram o placar e decretaram o adeus canadense. É a primeira vez na história da Copa em que uma atual campeã olímpica cai na primeira fase.

NIGÉRIA EMPATA COM A IRLANDA E AVANÇA

Não foi o melhor resultado possível, mas a seleção nigeriana pouco se importa com isso. Em partida válida pelo Grupo B, a Nigéria empatou com a Irlanda e se classificou para as oitavas de final da Copa do Mundo de 2023.

É a terceira vez que a seleção africana chega à fase de mata-mata da competição e, na próxima rodada, enfrentará Inglaterra, Dinamarca ou China. O jogo contra as irlandesas não foi lá muito vistoso. Em uma partida tensa, as europeias ficaram com a bola pela maior parte do tempo, mas foram as nigerianas que tiveram as melhores chances.

Os chutes, no entanto, não trouxeram muito perigo e o 0 a 0 foi mais do que justo. Com o resultado, as irlandesas ficaram em último do grupo. Essa foi a primeira participação delas em Mundiais e, apesar da eliminação, as atletas celebraram o primeiro ponto marcado na história da seleção

03/08/2023 – 07h00 Agendado Marrocos 0 0 Colômbia 03/08/2023 – 07h00 Agendado Coreia do Sul 0 0 Alemanha 02/08/2023 – 04h00 Agendado Africa do Sul 0 0 Itália 02/08/2023 – 04h00 Agendado Argentina 0 0 Suécia 02/08/2023 – 07h00 Agendado Panamá 0 0 França 02/08/2023 – 07h00 Agendado Jamaica 0 0 Brasil 01/08/2023 – 04h00 Agendado Portugal 0 0 Estados Unidos 01/08/2023 – 04h00 Agendado Vietnã 0 0 Holanda 01/08/2023 – 08h00 Agendado Haiti 0 0 Dinamarca 01/08/2023 – 08h00 Agendado China 0 0 Inglaterra 31/07/2023 – 04h00 Finalizado Costa Rica 1 3 Zâmbia 31/07/2023 – 04h00 Finalizado Japão 4 0 Espanha 31/07/2023 – 07h00 Finalizado Irlanda 0 0 Nigéria 31/07/2023 – 07h00 Finalizado Canadá 0 4 Austrália 30/07/2023 – 04h00 Finalizado Noruega 6 0 Filipinas 30/07/2023 – 04h00 Finalizado Suíça 0 0 Nova Zelândia

Categorias: Futebol Feminino

Por: Agência Estado, 31/07/2023

Confira também:

Noticias Relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *