23 de maio de 2024

VICKYS SPORTS GASTROPUB

VICKYS SPORTS GASTROPUB FUTEBOL AO VIVO, GASTRONOMIA

Orlando Pride troca cor do calção para jogadoras 'ficarem confortáveis'

3 min read

Orlando Pride troca cor do calção para jogadoras ‘ficarem confortáveis’

“Devemos remover o estigma envolvido na discussão dos problemas de saúde que afetam mulheres e atletas menstruais não binários e trans se quisermos maximizar o desempenho e aumentar a acessibilidade ao esporte” – disse o vice-presidente de operações do clube

Em campanha que visa o conforto de suas atletas durante o ciclo menstrual, Orlando Pride inaugura calções na cor preta

Categorias: Futebol Feminino

Por: Agência Estado, 28/02/2023

Orlando Pride divulga novos shorts (Foto: Divulgação)

Campinas, SP, 28 – Mais que ter um time feminino, os clubes devem saber lidar com suas atletas. E o Orlando Pride mostrou que a saúde vem em primeiro lugar. Nesta terça-feira, o clube anunciou mudança no segundo uniforme, que será utilizado na National Women’s Soccer League (NWSL), de branco para preto, para “deixar as jogadoras mais confortáveis e confiantes ao jogar durante o ciclo menstrual”.

Com a mudança, o Orlando Pride se tornou o primeiro time da NWSL a se atualizar para os shorts escuros. O Manchester City já havia adotado a postura na Inglaterra. A estreia no novo uniforme será no dia 26 de março, em visita ao Thorns, em Portland, na abertura da temporada 2023.

Orlando Pride divulga novos shorts (Foto: Divulgação)

VICE-PRESIDENTE AFIRMA NECESSIDADE

“Devemos remover o estigma envolvido na discussão dos problemas de saúde que afetam mulheres e atletas menstruais não binários e trans se quisermos maximizar o desempenho e aumentar a acessibilidade ao esporte. Tenho orgulho de fazer parte de um clube que está fazendo uma mudança pequena, mas extremamente impactante, quando se trata de nossos jogadores profissionais e juvenis”, disse o vice-presidente de operações de futebol e gerente geral do Orlando Pride, Haley Carter.

O dirigente revelou que o clube está atendendo uma recomendação das jogadoras. “A experiência que as jogadoras têm e a segurança e conforto que sentem ao usar o brasão do Orlando Pride é uma área crítica de foco para nós. Continuaremos não apenas ouvindo o feedback, mas também tomando medidas para tornar Orlando um destino de classe mundial para atletas”.

A aprovação da medida foi instantânea. “As razões por trás de não querer usar shorts brancos são claras, mas infelizmente é algo que não foi abordado até recentemente”, disse a meio-campista do Orlando Pride, Erika Tymrak. “Acho que é um grande passo para nós, como clube, fazer com que os jogadores se sintam confortáveis e nos permitir focar apenas na competição”.

BASE DO ORLANDO PRIDE

Um estudo da Women’s Sports Foundation mostrou que, aos 14 anos, as meninas abandonam os esportes duas vezes mais do que os meninos, por causa da puberdade. O clube também resolveu acabar com o problema nos treinos e nas categorias de base. Todas as equipes femininas do Orlando Pride usarão shorts escuros tanto para os treinos quanto para os jogos.

“Esta é uma jogada louvável do Orlando Pride e que certamente irá melhorar o nível de conforto entre suas jogadoras”, disse a Dra. Christine Greves, da Team Choice OBGYN, do Orlando Health Medical Group. “Como sociedade, precisamos continuar trabalhando para normalizar falando sobre saúde e bem-estar pertencentes ao corpo feminino e o período menstrual é uma grande parte disso. Quanto mais fizermos isso, mais estaremos preparando nossos atletas para o sucesso dentro e fora do campo.”

Confira também:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *